Atualizado em 24 de abril

Coordenadores são apresentados ao Prêmio Arlindo Fragoso 2017

Em evento realizado na tarde da última quarta-feira (19), na sede do Crea-BA, coordenadores de diversas instituições de ensino do estado da Bahia conheceram o Prêmio Arlindo Fragoso – Edição 2017 e suas novidades. O chefe de gabinete do Crea-BA, engenheiro químico Herbert Oliveira, apresentou a novidade deste ano, que é a criação de uma nova modalidade: projetos em operação. Nesta categoria, a premiação chegará a R$ 27,5 mil.

De acordo com o professor e coordenador de operações da Unijorge, Armando Peixoto, o fomento a inovação e a cultura empreendedora estava adormecido e o Prêmio Arlindo Fragoso, além de propor o envolvimento dos alunos em torno da produção científica, também estimulou a realização de eventos como a  I Semana de Engenharia da Unijorge. “Neste ano, só no meu colegiado, temos quatro projetos que poderão concorrer a terceira edição ”, acrescentou.

O prêmio é voltado para estudantes do ensino técnico e superior vinculados ao Sistema Confea/Crea no Estado da Bahia (de instituições públicas ou privadas), e que tenham cursado pelo menos 50% dos períodos da graduação até o fim do semestre 2017.1.